Please reload

Posts Recentes

MP 936 retira direitos trabalhistas e não poupa nem as gestantes

May 20, 2020

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Crise aumenta trabalho informal no DF

November 11, 2016

 

Brasília, uma cidade de servidores públicos, também enfrentou o drama do desemprego. Carlos Alves dos Santos, Carlinhos, presidente do Sindicato dos Frentistas e da Força Sindical-DF,  fala sobre o assunto.

 

Força Sindical – Como está a situação dos trabalhadores no Distrito Federal?

 

Carlos Alves dos Santos – A crise econômica que afetou o emprego na maioria dos Estados brasileiros também atingiu fortemente os trabalhadores da Capital Federal. Houve demissão em várias áreas, como alimentação e postos de combustíveis.

 

Força Sindical – Então foram fechadas muitas vagas?

 

Carlinhos – O mais grave é que muitas empresas não apenas fecharam as vagas, mas também suas portas. A inadimplência está muito alta e o trabalho informal cresceu porque a maioria monta uma barraquinha na rua para vender produtos.

 

Força Sindical – Em Brasília há uma grande concentração de funcionários públicos.

Carlinhos – Brasília é uma cidade de servidores públicos. O governo do DF está atrasando salários e não está pagando os fornecedores, que, por sua vez, reduzem o número de empregados.

 

Força Sindical – E as negociações salariais?

 

Calinhos – A maior parte das categorias têm datas-base entre janeiro e março, e ninguém sabe como vai ficar. Nossa expectativa é que a economia volte a aquecer a partir de janeiro para fecharmos bons acordos salariais. Em 2016 conseguimos aumento real para a categoria de frentistas.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags